Instituto Brasileiro de Museus

Museu do Diamante

.

Você sabe para que serve este objeto?!

publicado: 17/02/2022 11h53, última modificação: 05/04/2022 18h45
Acervo MD

🪑 Quando um objeto entra dentro de um museu, ele perde o seu valor de uso e passa a servir como documento: ele passa a ser um suporte para que as pessoas conheçam mais sobre a época e a sociedade em que foi produzido… É por isso que as cadeiras do acervo do MD não servem pra gente se sentar nelas, as camas não servem mais para a gente dormir e assim por diante…

❓A ação virtual “Pra que serve este objeto” vai levar até você alguns objetos do acervo do MD que são bastante curiosos: ao olhar para eles, nem sempre sabemos qual era a sua função original. Venha descobrir com a gente!

👉 Você sabe pra que serve este objeto? 

.

.

.

Acervo MD

❗️ Uma curiosa invenção presente em nosso acervo são os ferros italianos, popularmente chamados de “tiotês” (do francês tuyauter), utilizados para passar e plissar tecidos, deixando-os em forma de ziguezague. Com formato semelhante a uma tesoura, com duas hastes de metal, estes ferros eram aquecidos e aplicados sobre colarinhos e rendas. Estão associados aos hábitos e modismos das camadas sociais mais abastadas, que usavam vestimentas plissadas e engomadas (a goma que se usava nas roupas era geralmente feita a partir do amido e possuía um alto custo).

👉 A tradição oral atribui ainda a este objeto uma técnica rudimentar de se produzir cachos nos cabelos: os “tiotês” seriam, assim, os antepassados do famoso babyliss, objeto hoje indispensável nos salões de beleza e na indústria da moda. Assim, podemos perceber como as invenções são adaptadas e transformadas através dos séculos, com a ajuda da criatividade popular!